sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

FELIZ 2011




Amado Dono

Este ano, o Senhor me proporcionou muitas alegrias
Embora eu tenha escrito aqui tudo que vivemos e ainda me falta escrever mais......
Mas hoje eu vim especialmente lhe desejar muitas felicidades e eu sei que seu sucesso, sua prosperidade estão a caminho
Eu já vejo isso, eu mentalizo para isso a seu favor
Desejo que seus sonhos se realizarem e de minha parte sabe que farei tudo
para que eles se tornem real.
O Senhor me ensinou muito, me restaurou, colou meu cacos, me refez, me guiou, me guardou na palma de suas mãos, cuidou de mim em momentos dificies e nos faceis tambem.
Esteve comigo inteiramente durante esses 365 dias, vivemos muitas alegrias que quero continuar vivendo sendo sua escrava, sua amiga, sua cumplice.
Eu amo muito o Senhor e as vezes acho pouco para lhe oferecer, passei todos os dias do ano lhe dizendo: - Amo e Senhor de mim sua escrava o saúda e reverência .......
Deixo aqui a posição que o Senhor mais me viu esse ano, de reverência, carinho, entrega e submissao a ti. E tudo fiz com alegria, carinho, admiração, respeito e agradecimento a ti.
Minha maior realização foi carregar tua coleira no meu pescoço, no meu pulso, no meu dedo, e principalmente em meu coração, mente e espirito.
FELIZ 2011

Te Amo

sua menina, cadela, escrava submissa, vadia porem somente tua.

([{mila}]) MAGNO

sábado, 25 de dezembro de 2010

CERIMONIA DE 1 ANO DE COLEIRA

Foram dias preparando tudo, ensaiando as novas posições, posturas adequadas, elegância e graça de todos os momentos que estavam por vir, mas valeu à pena

Fui agraciada pelo Dono para comemorarmos 1 ano de nossa D/s no Serve da casa de Máster Christian Sword of Gor, na Festa de Encerramento do Clube Dominna.

Agradeço ao Sir Magno pela cerimônia que preparou para comemoração, pela graduação que me presenteou, prometo mais uma vez aqui sempre honrá-lo por ser o Dono de mim.

Agradeço ao Máster Christian pelo generoso convite e pela recepção de sua casa e seu importante papel na nossa cerimônia.

Agradeço as meninas Alika, lizzy, verônica, e suave que foram maravilhosas comigo e colaboraram para que eu me comportasse de acordo e por todo apoio na minha cerimônia. A minha amada rapunzel pelas fotos e sua presença. Ao Senhor Horus pelas fotos.

MOMENTOS INESQUISIVEIS DO SERVE

Desde que entrei no BDSM sonhei muito em participar de algo assim

Litúrgico, marcante, que eu pudesse me sentir em outro mundo

Num mundo onde minha submissão pudesse ser exalar pelos meus poros

Era um sonho que eu guardava dentro de mim a tempos

Confesso que cheguei a procurar muito algum grupo que vivesse isso

Li muito e aos poucos fui conhecendo pessoas que viviam essa fantasia

como realidade, como estilo de vida.

Tive a imensa honra de ser participar juntamente com Dono de mim do que chamam de SERVE de um grupo que vive a filosofia de GOR

Foi algo maravilhoso para mim, intenso, marcante como sempre sonhei

Pude viver um sonho e torná-lo realidade

Com a ajuda de meninas maravilhosas que me instruíram para que tudo saísse perfeito

Para uma submissa adepta a liturgia como eu me senti no céu

Nada se compara a emoção de poder soltar tudo que está reprimido dentro de você

Se permitir emocionar-se, sentir a emoção do seu Dono ao te ver entregue

Submissa a seus pés dEle, de servi-lo diante de outros, ver o orgulho dEle com meu comportamento.

É quase indescritível em palavras o que vivi, a sensação é maravilhosa, jamais esquecerei.

Ver aquele cenário todos, ver Dono sentando ali me esperando, as velas, todos ocupando seus lugares e meu lugarzinho ali ao lado do Dono a minha espera.

Foi lindo ascender as velas, todo aquele gesto litúrgico, a ritualística com significado em cada ato.

Eu não fiquei nervosa, eu só pensava em curtir tudo e degustar cada segundo que podia, aprendendo com as meninas o que devia fazer e em que momento.

Servi a bebida, depois o doce e esperei que Ele me ordenasse pegar mais alguma coisa.

Esperei calada ouvindo os comentários do Máster do Dono e dos outros, Dono comentou no meu ouvido que nunca me viu tão calada e concentrada.

Tudo foi perfeito para mim.

Após terminar tudo, arrumamos tudo rapidinho e tinha a minha cerimônia no salão inferior, essa eu tava nervosa, sei que imprevistos acontecem, as meninas foram maravilhosas me acolheram e me ajudaram a me arrumar



A CERIMONIA

Deixo aqui o link do blog do Sir Magno com as explicações de toda ritualística da cerimônia http://magnificouniverso.blogspot.com Aos interessados peço a gentileza que consultem para compreender melhor o que vão ler a seguir.

Eu desci as escadas com todo cuidado, os convidados estavam em seus lugares esperando Dono acertar tudo e eu fui para meu canto onde era meu lugar.

Esperei ajoelhada, olhar baixo, atenta a cada movimento do Dono quando Ele se aproximou de mim e colocou o véu sobre minha cabeça, simbolizando meu recato e submissão a Ele.

Ele me entrega uma rosa branca e uma taça com a vela me mostrando meu novo caminho e minhas novas responsabilidades dentro do seu reino, nem tudo será alegria, terão os espinhos, e eu lhe entrego a minha guia. Tudo sumiu naquele momento, as pessoas em volta, a música, eu me senti pura e nua diante dEle, beijo-lhe as mãos em gratidão e Ele me acaricia a testa.

Eu o vejo caminhar até a chuppah enquanto Máster Cristian anuncia que o meu registro ao Dono de mim será feito na cidade de Alkania e postado no site. Eu somente ouvi isso, porque o resto não consegui ouvir nada, eu estava nas nuvens.

Eu me levanto e levo até Ele a bandeja contendo os presentes recebidos, uma taça vazia e outra cheia, uma toalha branca e os anéis. Ao chegar coloca-a de lado. Faço uma reverência em pé ao Dono e a Máster Christian. Em seguida faço o “Rito das Sete Voltas”.

Caminho lentamente em volta do Dono consciente que essas voltas são muito mais do que parece no ritual, são sete voltas, como os 7 dias da semana, o circulo como as horas do dia e Ele como centro da minha vida.

Paro a sua direita e de joelho eu pego a bandeja e coloco diante dEle.

Meu coração bate forte, sei que os próximos atos tem muito significado.

Eu entrego a Ele a caixa contendo os anéis que selará nossa união, que emoção .....

Ele pega e coloca no meu dedo dizendo:

- Com esta aliança, tu és consagrada a mim.

O ato de dar a aliança simboliza a transferência de poder e autoridade, ao qual eu me entrego a Ele com muita alegria no coração

Antes de colocar a aliança, eu recito a seguinte frase:

- Com esta aliança, me consagro a ti Senhor.

Ainda de joelhos eu beijo suas mãos em agradecimento e ofereço a guia nova a Ele e me posiciono para que Ele a prenda junto a minha coleira. Eu me senti encoleirada ate os dentes nessa hora, nada de mim de fora, me senti inteiramente dEle

Me abaixo e enrolo a taça vazia numa toalha branca e a coloco próximo aos pés do Dono, e observo atenta Ele quebrar solenemente a taça. Sei que assim como ela se quebrou eu terei que estar sempre disposta a me quebrar para ser refeita pelo Sir Magno quantas vezes Ele desejar isso.

Pego a outra taça cheia e o sirvo, e Ele bebe e me oferece, eu bebo e a coloco na bandeja de volta, Ele me um puxa e me beija, dos muitos beijos que meu deu aquele teve um sabor diferente, representa nossa união, nossa cumplicidade e afinidade dentro da relação.

Sir Magno me leva pela coleira até os presentes para recebermos os cumprimentos.

Está selada a nossa união numa das ritualista mais bela que Dono fez comigo. Estou honrada por tanta dedicação dEle, por compartilhar da fantasia dEle e poder sonhar junto dEle.

Foi oferecida as casas presentes os grãos, simbolizando a prosperidade de todas elas incluindo a casa de Sir Magno.

Minha cerimônia foi bela e sublime, em todos os detalhes eu vi uma riqueza impar, uma emoção invadiu minha alma, eu sou não de chorar porque minha alegria é demonstrada em sorrisos que confesso duraram a noite toda, mesmo porque o Dono esteve comigo a todo instante.

Não tenho palavras para expressar minha felicidade junto ao Senhor Sir Magno, mas Ele sabe o quanto me esforço em atos para lhe demonstrar que és a riqueza de minha vida.

Te amo




video

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

SELO


Minhas amadas amigas Ísis do Jun, lilica{DE} e ternura me agraciaram com esse selo.Ele representa muito para todas nós submissas, lendo o texto abaixo vão entender. Ele por si fala fala muito daquilo que pensamos e sentimos e vivemos.
A quem diga que o BDSM é um jogo, um estilo de vida, um fetiche, não importa a nomenclatura, o importante é o resultado final. BDSM é onde podemos viver intensamente o nosso eu, sem medo e sem vergonha alguma, é onde assumimos o que somos dentros de nós e afloramos tudo, onde submissas podem viver em paz e com plenitude o seu maior desejo: - a submissão em toda sua extensão, é a libertação da sublime essencia

Acreditamos em Dominação e submissão, no prazer isso que nos dá, seja qual o lado do chicote que escolhemos e esse selo prova isso. Enfim eu sou uma escrava xiita rsrsrs e



Enfim, aqui está o texto:"La Certeza Absoluta no es nada si solo usas la palabra, que por cierto está llena de un gran contenido, es una gran palabra por lo que concentra dentro de ella… No es una palabra o dos… la certeza absoluta es un acto de fé.Para mi es un acto de fé, porque entregas tu mente, tu alma, tus emociones, tu cuerpo y todo lo que eres como un ser humano a una persona de manera voluntaria.Fé?, si eso mismo, otra gran palabra que se usa en los temas religiosos. Que más fé que entregarte como persona completa. Entregar tus sonrisas, tus alegrías, tus problemas, tus miedos, tus desdichas, tus sentimientos, tu confianza… Y digo fé por una sola razón…porque lo haces sin saber que podria pasar mañana, mas tarde, dentro de un mes o dentro de unas horas. Es creer en algo que aun no habias visto, es creer en alguien que te guia a un camino que no conoces pero que a la larga sabes que era el correcto.Fé ciega, certeza de que a quien entregas un corazón, una mente y un alma es la persona que sabes que te valora por hacerlo.La Certeza Absoluta es la firme y absoluta convicción de que algo es Verdad, y si llevamos esa verdad a una persona dentro de esta temática, es obvio que la fé y la certeza absoluta es la que obstenta la sumisa o esclava hacia su Amo.Es una sensación que se infiltra dentro de la razón y llega un momento que cada célula de tu cuerpo grita un nombre, y por mucho que quieras evitarlo y evadirlo rompe una a una las barreras de la mente que intentan evitar que siga adelante. Y allí es cuando te das cuenta que no eres tu que maneja el barco y tratas de amotinarte, y terminas justo donde ella quiere, encerrándote dentro de su camarote.Y allí comienza el verdadero baile de tu ser, de tu alma, de tu corazón y de tu cuerpo… sin preguntas, o mas bien con todas las respuestas conocidas por aquel a quien das tu rendición.Y piensas y vuelves a pensar, una y otra vez, y buscas razones lógicas e ilógicas, conjuntos y sub conjuntos, palabras que parecen las justas, resumes, sumas, restas y solo llegas a lo mismo a la Gran Certeza de que estás donde deseas estar, y entregas lo que deseas entregar y te abandonas y te rindes en las manos que sabes que no pueden dañarte porque no es su propósito.Tener Certeza Absoluta es saber que eres parte de alguien, que aunque no lo tengas a tu lado por alguna circunstancia, sabes que piensa en ti, que te desea, que te añora, que te piensa y que no pierde oportunidad en el dia y la noche de hacértelo saber de alguna manera. Que si eso no puede suceder un dia por alguna razón sepas que no lo hace por nada malo, sino porque ha tenido un percance y esperas sus noticias con pasión y con entrega y sobre todo con ilusión.Tener certeza absoluta es saber con los ojos cerrados que estés donde estés y que esté donde esté tu Amo siempre serás su esclava y el tu Amo. Y que lo sientas con orgullo y que vivas por eso y que sientas la necesidad de hacérselo entender de la mejor manera que puedas. Que se cuiden mutuamente, que se entreguen mutuamente. Que cualquier momento sea bueno para desarrollar complicidad, momentos de alegría, bienestar, paz y armonía.No hay nada mas hermoso, que produzca mas libertad y que te haga sentir plena de dicha y amor… que saberte sumisa de la persona que en realidad sabes que te conoce, te escucha, te cuida y te respeta.Es responsabilidad del Amo, entender que la confianza de su esclava es el regalo mas grande que se le pueda entregar. El sexo, los castigos y lo demás son solo el aderezo de lo que puede suceder en la vida cotidiana. Y está en el saber ser responsable, prudente, honesto, honorable y sobre todo hombre para fomentar en su esclava o sumisa palabras de confianza, situaciones de confianza, y momentos intimos que lleven a ese mismo nivel la relación de compenetración entre ambos.Y no menos importante es la esencia de cada uno de nosotros, esa que te grita no importa donde estés, esa que te acompaña cuando caminas, esa que sabe lo que en realidad eres...No importa cual sea tu rol, la esencia siempre te mostrará el camino, algunas veces fácil, otras veces tormentoso... jamás podrás escapar de ella. Pero si podrás pedirle el permiso de seguir un tiempo sin que te ahogue...para que así puedas canalizarla, entenderla y convivir en tus momentos de soledad con ella y no te dañe, sino que te ayude a crecer como persona.Esa esencia de ser mujer sumisa fuerte y suave a la vez... de mujer entregada a los pies de quien adoras...Esencia de mujer y espiritu libre de cuerdas y ataduras que percibes la vida por los ojos de quien te guía...Fresca como una mañana de primavera, entre la brisa y el aroma de las nuevas flores...esa es tu esencia... esencia de mujer entregada...Esencia que hace de tu entrega un arte que alimentas de instantes, de miradas, de esperas, de llanto y placer...Pero sobre todo esencia de mujer... que aunque no sea sumisa siente, padece y disfruta de la misma manera y bajo sus propias premisas".Iara, http://bdsmvenezuela0.blogspot.com/Repasso esse selo, as meninas submissas maravilhosas que visitam esse blog, se sintam a vontade para tomar o selo para seu blog. Se aqui se achegam para ler é porque tem o que as interessa, e não serei eu quem vai dizer se são ou não submissas.
Porém deixo um apêndice a minhas amiguinhas que são jovens, mas eu vi nelas grande potencial de submissão e a suave que a mim deu um exemplo comovente de emoção pela submissão.

{lia}_SR.GOEL http://liasubmissa.blogspot.com/

{Jessy}_SANTIAGO http://jhessysantiago.blogspot.com/


[suave]_HORUS http://suavidadesm.blogspot.com/?zx=7f60f7396de17ea7


Beijos a todas minhas amadas amigas, e o SIR MAGNO o Dono e Amo de mim, a quem dedico todos os segundos de minha vida, por ter me ensinado muito, por ter tido a coragem de me domar quando eu estava no meu auge de rebeldia.

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

FEMALE FATALE

Adicionar imagem Por ordem do Dono estive esperando para fazer essa postagem, ansiosa em descrever minhas sensações e minha nova experiência com o Dono de mim

Numa de nossas sessões eu levei um filme para assistirmos e falei para o Dono sobre minha admiração pela personagem. A forma como ela conseguia dominar suas vitimas, apesar de um tanto erótico. Ele me explicou que ela fazia isso seduzindo, criava um clima um tanto erótico e envolvia seus escolhidos.

Aquilo me deu uma sede, um apetite de experimentar a sensação, fiquei imaginando como podia usar isso com meu Dono e deixá-lo doido de tesão. Não tive duvidas quando Ele me mandou uma foto de uma revista com a reportagem de COCO CHANEL. Na hora eu me vi dentro da roupa e performance de sedução caiu como uma luva na minha imaginação.

Ele marcou a sessão em casa, local perfeito para minha performance, me deu liberdade para criar o ambiente, era tudo que eu precisava para por em prática a minha fantasia e provar a Ele, que posso ser a submissa que sou da forma que Ele sempre desejou e ainda assim sou uma mulher de muitas faces, que posso sim assumir qualquer papel que agrade a Ele, e ainda farei isso com muito prazer.

Ele chegou no horário previsto, à mesa já estava arrumada, fiz lasanha, eu toda submissa, recatada como uma boa moça o servi, fiquei mais calada que das outras vezes, só me concentrando nos próximos passos, eu desejava algo totalmente inesperado por Ele. Naquele dia eu desejava ver um brilho especial nos olhos do Dono, um misto de surpresa com prazer latente no ar. Desejava que Dono sentisse que Ele Domina uma mulher forte, totalmente capaz de qualquer ato por Ele, que se submete a Ele por escolha, por desejo de estar aos pés dEle.

Após o jantar Dono elogia, ri muito quando eu falo da sobremesa, amo seu sorriso. Ele se levanta e vai para meu PC, eu já tinha deixado preparado a musica que usaria, só precisava executá-la. Enquanto Ele está lá no PC, eu arrumo a cozinha e sem que ele perceba o que estou fazendo eu vou para o quarto e me arrumo, já tinha deixado tudo separado e pronto para meu momento fatal.

Eu me visto... fio dental, meia arrastão e salto agulha pretos, camisa branca com 1 só botão fechado no peito, gravata preta e um paletó que era do Dono, prendi o cabelo num coque com um palito chinês, franja bem definida, maquiagem mais que o normal que marcam os traços do meu rosto, batom e unhas vermelho carmim. Olho-me no espelho, eu mesma me sinto linda e gostosa, (nada modesta rs), parece mesmo que aquele desejo meu obcecado objetivo me deram formas, me tornaram mais sexy. Com voz meiga peço gentilmente ao Dono que executasse o media play. Já tinha deixado uma penumbra no ar, iluminação com abajur, velas, e incenso, fiz tudo de caso pensando.

A música começa, eu entro na sala de forma exuberante, passos firmes, olhar fixo nEle, semblante fechado, pego um cigarro ascendo e jogo o isqueiro do lado, caminho até o Dono e solto a fumaça olhando firmemente para Ele. Dono leva um susto, fica estático, diante do meu olhar desafiador, com certeza analizando a minha ousadia.

Eu danço em movimentos insinuosos e sexy, chego próximo ao Dono, e de forma provocante eu lambo sua boca, Ele me segura com uma mão firme, eu me livro dEle e sigo com meus movimentos provocantes. Deixo Ele louco, danço e me exibo, me mostro como uma puta, como mulher fatal, uma devoradora.

Eu fujo sutilmente das mãos dEle que ainda tenta me pegar, eu termino minha sedução em cima do Dono e o faço gozar delirantemente....

Talvez alguns me digam que esse não é o comportamento de uma submissa, isso não me afeta nenhum pouco, eu sei que sou, sei que sou uma mulher de muitas faces e meu prazer é justamente ser 1 em mil para Dono de mim Sir Magno, seja como Dominador ou como homem, esse é meu jogo, não afeta minha submissão, pois ela existe dentro de mim, e se me proponho sempre surpreendê-lo o faço por submissão. Por ter a certeza que Ele não é adepto a mesmice, que sempre inova nossa relação.

Eu terminei a façanha de joelhos aos pés dEle, beijando-os como sempre faço, por me permitir ser submissa, escrava, cadela e mulher. Minha forma de agir em alguns momentos não me faz me perder da minha essência. A forma como Ele aceita minhas surpresas não muda seu Poder ou seu Domínio sobre mim.

Sou uma escrava que conquista a coleira do Dono todos dias, sem medo de perdê-la por isso, a condução dEle só me faz bem e essas surpresas são provas disso a Ele, que me possue como objeto, propriedade, um holograma de sua mais vil imaginação.

Por amâ-lo, respeitá-lo e admirá-lo assim sou

Te amo Sir Magno, és meu Precioso

Tua cadela fasceira [{mila}]MAGNO

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

1 Ano de Coleira


Parece que foi ontem que Sir Magno me tomou para si

aquele foi um dia mágico........
Combinado com o universo, que não podia fazer menos do que sonhavamos, ao contrário, foi muito melhor que o sonho

Hoje faz 1 ano que lhe pertenço e nunca me senti tão plena como agora
Nunca estive tão centrada como hoje,
O Senhor tem me feito muito bem,
Seu jeito, seu carinho, o modo como consegue me ler por inteiro
Como entra na minha mente e suavemente me faz mudar
Ao seu bel prazer

Não arranca nada de mim, me faz aflorar por mim mesma
Um jeito terno de me fazer me entregar cada vez mais
De estar ligada ao Senhor o tempo todo

É uma data que me faz lembrar de quem eu era e de quem sou hoje
Em pensar o quanto fugia do Senhor naquela época e que de nada adiantou
Pois meu destino estava traçado com o Seu

Não me arrependo de nada do que fiz, nem de como e nem do quanto
Me entreguei ao Senhor,
Pois hoje o que sinto em ser sua, me completa e me faz feliz
Nossa sintonia aumentou ainda mais, e meu Amor pelo Senhor cresce
A cada dia.

Entre outras coisas que tenho a lhe dizer .....preciso de joelhos lhe agradecer
Por ter me escolhido entre tantas, por ter confiado a mim sua coleira da qual
Eu a honrarei sempre e a levarei junto de mim dentro da minha alma.

Parabéns para nós Dono, te amo muitooooooo

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

DESAFIO DOS 7



Minha amada tete {ternura}_WOLFMAN me desafiou, eu demorei tanto para responder que tambem a {lia}_ SirGOEL repetiu o desafio, agora num tem jeito, vou ter que contar tudo e mais um pouco dessa cigana meio wicca, são 6 itens com 7 perguntinhas danadas de capciosas. Mas deixa pra lá eu não tenho nada a esconder mesmo. Vamos então ao que interessa .....

7 Coisas que pretendo fazer antes de morrer:

• Me mudar para perto do Dono

• Ter meu próprio espaço terapêutico e estético

• Comprar uma casa

• Fazer um viagem para o Egito com o Dono

• Quero muito depilar o corpo todo de um homem rsrsrs (ops agora eu apanhado do Dono)

•Conseguir um emprego extra

• Me aposentar. ( O mardito do Lula aumentou minha pena em 5 cincos)

7 Coisas que mais digo:

• Sim Amo

• Donooooo

• sim Senhor

•FPD

•oh coisa boa

•que delicia

• Aff

7 Coisas que faço bem:

• Servir

•dançar

•sexo rsrsrs

•paciência para ouvir lamentos e dar conselhos

•costuro que uma beleza, faço muitas das minhas fantasias

•sou boa amiga, chego a sentir a dor delas

•massagens e tratamentos de estetica

7 Defeitos meus:

• sou franca demais

• impulsiva

• falo palavrão, sou bocuda

•sou explosiva, sem papas na lingua

•penso muito nos outros

•sofro por antecipação

•sou ansiosa

7 Qualidades minhas

• Detalhista

• disciplinada

• carinhosa

• prendada

•brincalhona, as crianças me amam

• criativa

• uma boa cadela para o Dono rsrsrs

7 Coisas que amo:

• Dono de mim

• Eu mesma

• Estar com o Dono

• Minha familia

•Meus netos

•Chocolate

•Amo amar, nada me faz mais feliz do que sentir amor eu amo sentir isso

Olha a saia justa que me puseram essas meninas, para quem vou passar o desafio rsrsrs?

Vou aproveitar para fazer novas amizades e mandar para meninas que me seguem e comentam no meu blog

Carmem

{bdoyn}LF

{flor}ST

Beijos a todas, Eu Amo voces

[{mila}]MAGNO

sábado, 20 de novembro de 2010

SCAT, UMA TORTURA



Depois de um breve regresso, volto a postar aqui algo que passei com o Dono numa sessão

Ele me avisa assim quando entra no banheiro:

- Tenho um desejo sórdido de scat

Eu o olho assustada com a expressão: - Não, isso nunca

E Ele ri do meu medo e do meu susto

- Cadela se prepara e fica quietinha

Ele me encosta na parede de joelhos, fico sem saída ...

E mesmo com asco fico ali, faço cara feia, retorço o nariz, quase choro

Peço clemência, imploro e me humilho querendo me safar

Ele somente me olha sério e depois ri sadicamente do meu pavor

Eu começo a chorar, não consigo sair dali,

Não que esteja amarrada ou presa, mas meu coração, minha

Submissão, minha entrega falam mais alto

Ele se vira de costas para mim

Rezo para que seja uma brincadeira

E Ele ri e me manda abrir a boca

Eu choro mais ainda.

Ele se irrita e fala com autoridade:

- Cadela para de chorar, é só um scat. Dói menos que um spank, é só abrir a boca e aceitar tudo. KKKKKKKKKKKKKKK

Que horror, que nojo, mesmo amando Dono eu não consigo conceber a idéia na minha mente, e nem consigo reagir a situação.

Ele segura minha cabeça pressionada na parede, e manda eu abrir a boca, dessa vez muito bravo.

Eu despenco a chorar e implorar. Ele vem aproximando cada vez mais sua bunda da minha cara.

E quando me vê a ponto de gritar e em pânico, solta um riso alto e fica lá parado contemplando a cena cômica, "na visão dele".

Enquanto eu choro e me sinto um nadinha, menos que nada e resignada espero que ele desista.

Ele não fez nada de scat em mim, mas mesmo assim eu me sinto suja, como se tivesse recebido um jato marrom.

Ele me solta e me abraça, me acolhe em seus braços me acariciando o rosto, os cabelos

Me põe em seu peito e diz que nunca vai esquecer esse momento.

Eu completo a frase: - Nem eu .

Foi um tortura para mim, mas que me fez pensar, que nunca uma submissa prevê os atos de seu Dono, ainda que possamos conhecê-lo muito bem, Ele sempre tem uma carta na manga. Por isso o amamos, o admiramos e fazemos dEle nosso algoz.

A prática não é na verdade um desejo do meu Dono, apenas a usou para me torturar, me testar, ver até onde eu ia.

Ao contrário de muitos, Dono não me submeteria a algo que somente desse prazer a Ele sem me acrescentar nada.

O que tenho a dizer sobre que senti?

- Senti que mesmo tendo capacidade de me submeter incondicionalmente ao Dono de mim, eu não estou preparada para tudo, porém Ele me conhece a tal ponto que sabe disso, e tenta me fazer superar-me a mim mesma, não por vaidade, nem orgulho de fazer propaganda de si mesmo, mas para demonstrar a mim mesma o quanto sou forte e o quanto posso confiar nele.

Te Amo Dono.

P.S. : Não coloquei fotos da pratica, eu não suportei nem olhar para elas tal o meu nojo.

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

CHEGA DE CHORO

Foi uma nuvem escura que pousou em cima de mim
Nada demais, foi passageira como toda nuvem
Agora é hora de me refazer e seguir meu caminho
O que é a vida senão um caminho a seguir sempre

O Sol nasce todo dia,
A lua toda noite está no céu.
Os pássaros cantam toda amanha e fazem revoada a tarde
Sempre vai gente na dando pela rua

De manhã eu acordo
Ao meio eu tenho fome como todos os dias
A noite sinto sonho

O universo é tão sábio que algumas coisas já estão prontas
E sempre nos ensinam que não importa o que houve no dia de hoje
Temos que seguir sempre em frente
A gente só para quando chega a nossa hora de partir

Sou grata as amadas amigas que carinhosamente dedicaram
Um cadinho do seu tempo para me deixar uma mensagem
Uma palavra de conforto, vibrações calorosas de amor
Mesmo que algumas eu nunca nem vi e nem falamos pelo msn
Sou grata ao Dono de mim, que compreendeu meu momento
Segurou em minhas mãos, esteve presente em todos os momentos

Em resumo......eu voltei ...................... me aguardem

beijos a todos

terça-feira, 9 de novembro de 2010

LUTO


MENINAS EU ESTOU FORA POR QUESTÕES FAMILIARES
MAS PROMETO VOLTAR EM BREVE
NO MOMENTO ESTOU DE LUTO PELO FALECIMENTO DO MEU PAI
MAS ESTÁ TUDO BEM, SÃO COISAS DA VIDA QUE NOS CHATEAM
MAS TEMOS QUE CONTINUAR NOSSA JORNADA
LOGO ESTAREI AQUI COM VOCES E SE CUIDEM NA MINHA AUSÊNCIA
E EMANEM FORÇAS PARA ESSA SUBZINHA AQUI RSRSRS
ADORO VOCES.
ADORO MEU AMO E SENHOR QUE TEM ME DADO MUITA FORÇA
E SEMPRE PRESENTE JUNTO DE MIM
ME APOIANDO E MOSTRANDO SEU CARINHO POR MIM.
OBRIGADO A TODAS AS AMIGAS QUE TEM ME DEIXADOS SEUS CARINHOSOS
RECADOS.
BEIJOS A TODOS

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

ASFIXIA


Numa relação BDSM a cumplicidade e a confiança mútua está acima de qualquer outro sentimento.

Há momentos onde Dono e escrava se superam, avançam limites juntos, mesmo sem terem planejados o ato do momento, eles simplesmente aparecem e temos que aproveita-los.

Na ultima sessão Dono quis relaxar numa banheiro junto com a cadelinha

São momentos nada iguais ao mundo baunilha rsrsrsrs

Dominador sempre inventa o inesperado e nós coloca a prova em momentos que estamos relaxadas

Como dizem por ai: - ser escrava é sair da zona de conforto.

Preparei a água com sais de banho, espuma e na temperatura ideal

Aviso o Dono que vem sedento para banheira e já me arrasta com Ele

Eh..... vai pensando que tá bom. Cadela fica atenta, apesar de gostar da surpresa do Dono ter desejado um quarto com hidro.

Eu, em vão, tomei todo cuidado com o cabelo

Após uns momentos em que Dono estava relaxado me lança aquele olhar sádico que tão bem conheço, seguido de uma risada sarcástica .

Penso na hora: - Ai vem alguma coisa

Ele pega no meu rosto e aperta depois me beija, quando solta diz:

-Respira cadela.

Eu até gemo de susto e sei o que vai ser dessa vez.

- Cadela tem que aproveitar a água e tomar um banho completo, sem poupar nenhuma parte, nem cabelos.

Vejo uma de suas mãos me pegando o pescoço e outra me tampando o nariz e ele diz:

- Fica calma. Confia em mim

Ele me abaixa dentro da banheira cheia de água, eu quero ficar calma, mas a cada minuto começo a tremer, e ele segue alternadas vezes

Uma..... duas.......tres vezes. E eu começo a me desesperar quando fico lá em baixo,

Não consigo pensar em nada e Ele só me olha sorrindo, vendo o pavor em meus olhos e o tesão entre minhas pernas.

- Quero uns 5 minutos seus, cadela. 5 minutos de tesão e medo.

Eu me esforço e sinto um enorme tesão, mas estou sem fôlego

Aff meu problema é esse....AR. Já contei né, preciso sentir até vento para saber que o

AR está lá me esperando.

Embora a certeza que Ele não vai me deixar sucumbir sem ar

- Cadela, quero que confie em mim. Confias ou não ?

- Sim Dono

- Então me prove.

Diz isso e me afunda na água e me segura lá por um tempo próximo a 5 minutos

Quero pensar e ficar calma, mas como é difícil

A sensação de estar sendo sufocada sem nada poder fazer

Além de me dar tesão, também me dá desespero.

Não pela pratica em si, mas porque a mão dEle está lá e eu não quero revidá-la

Ele segue tirando de dentro de mim tudo que tenho para lhe dar

Quero abrir os olhos e vê-lo para sentir mais força

Sinto que Ele é o Dono do ar que respiro, Dono de minha vida que agora

Está somente em suas mãos, a sua mercê.

É o ápice da cumplicidade, eu ali podendo gritar ou sair correndo pela porta

Mas preferindo ficar e me entregar aos desejos deles.

Vem em meu pensamento as quantas vezes eu li sobre essa pratica

Sobre a confiança mútua entre Dono e escrava para praticas desse tipo, sobre a D/s em si

Dono deixa as práticas fluirem, deixa o tesão rolar, estando sempre preparado para executá-las com segurança e eu sempre disposta a lhe provar minha entrega.

E termina me usando como mais gosta..... num misto de prazer e medo

Me sinto sinto viva e totalmente dele.

Obrigado Dono por me fazer vivenciar tudo isso.


Te amo





segunda-feira, 25 de outubro de 2010

SIR MAGNO ... MEU TALISMA



Eu sou o amuleto do Dono, mas esses dias eu recebi o que sempre dou a ele.

SORTE

É Dono, o Senhor me traz paz e me faz centrar nas minhas idéias

Eu passei horas da tarde revirando tudo em busca do meu cartão e nada

Tava quase surtando, fui dormir para não ficar mais nervosa.

Dono me liga e eu conto que perdi, que revirei a casa, que procurei em todo lado

Ele calmamente me diz:

- Cadela vai se lembrar onde colocou, ou ele vai aparecer na sua frente.

Na mesma hora vou arrumar a alça de uma bolsa que se desprendeu do mancebo

E lá está o meu cartão. Ufaaaaaa eu grito- DONO ME DEU SORTE.

É mais que sorte Dono, é um bem estar, um equilíbrio, és meu Sol, o ar que respiro

Uma sensação de bem estar que nunca senti antes.

Não tem como não te amar Dono e estar sempre servil ao Senhor.

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

A TODAS LIBRIANAS

Com a autorização do Senhor de mim, faço aqui uma homenagem as minhas queridas amigas e seguidoras librianas que durante este período astral estiveram junto de mim

Segue uma parte de nós amigas .........rsrs

Simbolizada pela balança dourada da justiça a libriana primeiro sobe, depois desce.

Oscila para um lado e depois para outro.

De repente, como acontece com a balança – ocorre o equilíbrio perfeito!

É divino.

Vivem em busca da harmonia.

O caráter de libra é feito de partes iguais de bondade, delicadeza, justiça, argumentação clara, recusa obstinada em capitular, lógica filosófica e indecisão

Teme igualmente a aparência de preconceito, de acusação injusta e de fanatismo.

O que ela busca é a verdade real, o equilíbrio exato que dá a resposta certa, depois de pesar todas as possibilidades.

Adoram a harmonia dos sons, das cores, da poesia e o uso adequado das palavras, tanto escritas quanto faladas.

Seus processos mentais se desenvolvem com uma lógica masculina, apesar de graciosa e delicada quanto uma rosa.

Ela não estrutura nas próprias regras ou resiste teimosamente a toda razão: sua tendência para discutir baseia-se na verdade, num desejo sincero de tomar uma decisão imparcial.

Altamente intelectual, possui um espantoso poder de análise, sua mente é clara e sua inteligência brilhante.

Firme e dócil ao mesmo tempo, o que é um raro equilíbrio delicado.

Suas maneiras suaves sugerem fraqueza, mas essa criatura feminina é feita de nove partes de aço.

Possui a valiosa capacidade de ocultar sua mente aguda e penetrante por trás de uma feminilidade total.

Que outra mulher, além de você, minha querida amiga libriana, tem a doçura de uma princesa e a força de uma guerreira?

Beijos a todas amigas librianas

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Castigo e Recompensa

Castigos:

1 - Debruçada sobre o encosto da cadeira, tentava ler em vóz alta o texto que o Dono colocou na tela do computador, mas a dor e as lágrimas embaralhavam as linhas enquanto uma vóz firme lhe torturava os ouvidos:
- Não ouvi cadela. O que foi mesmo que você escreveu aí?
A ausência da expressão de prazer e tesão nos olhos do Dono causavam dor igual ou maior do que sua mão mais pesada do que de costume na condução do chicote...
Por fim Ele parou ao ver que ela havia chegado ao seu limite extremo, deixando-a prostrada aos seu pés.

2 - Exposta amarrada no cavalete, suplicava por clemência enquanto o Dono gargalhando sarcasticamente lhe perguntava entre os açoites:
- Mas você não é masoquista cadela?
- Não Senhor eu não sou.
- Mas Eu tive a impressão de tê-la ouvido dizer àquele casal de amigos nossos que você é masoquista. Será que estou ouvindo demais?
- Sim Dono eu falei, mas estava enganada, eu não sou masoquista.
- Ufa que alívio pensei que tinha sido alguma alucinação minha ... kkkkk ... mas ainda bem que você é uma escrava resistente.
- Não Dono, eu não sou resistente.
- Então essa parte onde afirmou ser foi alucinação minha.
- Não Dono, eu falei isso sim, mas o Senhor me fez ver o quanto sou fraquinha.
Depois disso só restava ao Dono divertir-se de outras formas, afinal além da cadela ter entendido o recado nem a música alta havia encoberto os estalos do chicote e os gritos dela, e ninguém ía querer dar explicações a policia às 4 da manhã.

3 - A frase em CAPS LOCK saltou na tela do msn no meio do diálogo anunciando que era uma ordem ou uma cobrança.
ESTAREI AUSENTE E INCOMUNICAVEL POR 7 DIAS
- Mas porque Senhor algum problema?
- Sim. Você questionou a ordem que acabo de lhe dar. Essa ordem não coloca em risco a sua integridade física, mental ou moral e nem é contrária aos seus valores éticos. Dentro desse contexto não tens o direito de questionar minhas ordens. Deves se cuidar muito bem e aguardar, beijos.

Algumas faltas servem de alerta ao Dominador de que a escrava precisa sentir a mão firme dEle na guia para entregar-se por completo (3), outras por mais que sejam tolas precisam ser corrigidas e essas em muitas vezes podem trazer enorme prazer a Ele (2), já em outras Ele precisa se policiar muito para não aplicar a correção com raiva ou mágoa (1).
Um relacionamento não é feito apenas de acertos. Na balança do merecimento o prato dos acertos tem peso de chumbo em relação ao de plumas dos erros.

Recompensas:

Dentre muitas das que lhe dei tanto pessoalmente quanto aqui e em outros meios públicos vim te trazer mais esta que coloco a seguir.
Vim traze-la de afago de aniversário. Está atrazado, mas é que demorei a encontrar algo a altura de teu merecimen





Calculo que você vai ser bastante questionada quanto aos motivos dos castigos ...... kkkk
Deixo à você a opção de comentá-los ou não (que saia justa eim!!!!!)

Deixo também a você a decisão de colocar ou não imagens na postagem, afinal o blog é seu Eu só o invadi para fazer-te esta surpresa.

Parabéns, sucesso e felicidade a você minha cadela.

SIR MAGNO